Coluna Versando 

Muito se fala sobre alimentação, mas poucos usam a inteligência para bem comer.

Frases como “o alimento é o melhor remédio, o melhor remédio seja teu alimento” se ouvem por ai diariamente. Mas na correria do dia a dia, muitas vezes engolimos algo e achamos que nos alimentamos.

Alimentar-se bem é também um sinal de inteligência, de um corpo que pensa e sabe que o que se ingere provocará um efeito positivo ou negativo no organismo e se manifestará fisicamente, mentalmente e em forma de sentimentos.

Vivemos num mundo materialista, onde pouco se reflete sobre o que colocamos diariamente para dentro de nosso corpo, mas nos assustamos com a realidade que nos cerca, onde o medo, a violência, a ganância, a hipocrisia se manifestam com todas as suas forças e formas.

Com o avanço da tecnologia e a urbanização dos espaços, a maioria dos seres humanos vive longe da terra, e muitos nem fazem ideia de onde nem como chegaram até suas mãos os produtos que ela coloca para dentro de seu corpo na hora das refeições.

As pessoas acreditam que a nutrição consiste em introduzir algumas substâncias na boca, que em seguida chegam ao estômago e ali uma parte e reservada e utilizada pelo organismo e uma parte vai embora. Poucos se dão conta que comer é algo muito mais complexo que isso, poucos percebem que a maior parte do que está disponível nos supermercados como comida são substâncias insossas e que por estímulos visuais são adquiridas e fazem das refeições da maioria das pessoas uma mera rotina.

A força dos alimentos está na simplicidade.   Vai ai uma receita fácil e nutritiva:

CREME DE ABOBRINHA E CHUCHU

Ingredientes:

2 chuchus

2 abobrinhas pequenas

1 cebola média picada

1 pitada de sal

1 fio de azeite

Salsinha ou cebolinha a gosto

Preparo:

Lave e descasque os chuchus, corte-os aos pedaços retirando as sementes. Lave as abobrinhas e corte-as os pedaços. Em uma panela, cozinhe o chuchu, a abobrinha, a cebola, com água suficiente para cobrir os legumes. Quando estiverem macios, desligue o fogo e aguarde 5 minutos para baixar a temperatura e bata no liquidificador. Acrescente o fio de azeite e o sal. Sirva salpicado com salsinha ou cebolinha. Você pode varias esta receita adaptando outros temperos a seu gosto.

Bom apetite.

Comentários

Comentários

About The Author

Irene Grockotzki

Professora Irene Grockotzki é professora de Geografia, formada pela UFPR trabalha na rede estadual de ensino há 27 anos.

Related Posts