Ilustração de Hewerton Kavera

Ilustração de Hewerton Kavera

[frontpage_news widget=”355″ name=”Crônicas”]

 

– Fica de olho naquela pretinha ali nas araras de lingerie, sabe como eles são…
– Moça, posso ver sua bolsa?
– Agradeço a entrevista, mas sabe como é…não estamos procurando gente com seu perfil no momento.
– Eu até gosto de você, mas não dá pra gente namorar é complicado explicar para os meus pais…
– Esse carro é mesmo seu? Cadê os documentos?
– Preto de carrão, só pode ser jogador de futebol.
– Aposto que foi a empregada preta que pegou. Eu olhava as coisas dela se fosse você…
– Volta pra senzala, preta suja!
– Prende esse seu cabelo, tem um aspecto sujo.
– Estamos enviando esse comunicado que, por questões de higiene, cuide, corte e alise o cabelo de sua filha, imaginamos que essa seja a causa da praga de piolhos na escola.
– Preta só é boa pra comer.
– Tudo que preta é fogosa, não dá pra confiar, elas vão acabar te traindo.
– Pro chão, neguinho, pro chão!
– Macaco, preto safado!
– UH UH UH AH AH AH!
– Vai comer banana, macaco!
– Olha lá o futuro bandidinho vendendo doce, fecha a janela.
– Volta pra África!
– Tem cara daquelas preta macumbeira, sabe?
– Abaixa o tom que eu não sou tuas nega!
– Aquela ali deve passar petróleo na casa ao invés de base.
– Vou te comer, mulatinha!
– Aquela ali pra estar na diretoria só pode estar dando para o dono, sabe como essas mulatas são…
– Não bebo café para não ter intimidade com preto.
– Não tenho TV em cores pra ficar vendo preto na novela não.
– Obama só ganhou as eleições porque era preto, por que todo preto se faz de coitadinho.
– Em terra de preto quem come banana é rei.
– Tenho vontade de transar com um negão, ver se o pau é mesmo grande.
– Olha a filha pretinha do cara, se jogar pra cima e voar é urubu, se cair é bosta.
– Não estudei pro neguinho da cota roubar minha vaga!
– Se matar todos esses pretos pode ver como a criminalidade vai cair…
– Volta pra onde você veio, preto imundo, e leva a AIDS que você trouxe junto!
– Nada contra, só não gosto do cheiro de preto.
– Cabelo de Araçá! Cabelo ruim! Cabelo de esfregão! Vá lavar esse cabelo.
– Oi moça, me empresta seu cabelo para eu lavar a louça?
– Pobre e preto vota no PT porque são tudo bandido como eles.
– Se preto trabalhasse não precisava roubar.
– Pode subir pelo elevador de serviço, por favor.
– Desculpe, não posso te deixar entrar no restaurante.
– Senhor, têm certeza de que tem dinheiro para pagar a conta?
– Casa de preto é a cadeia!
– A boceta dessa preta deve estar cheia de verme.
– Se preto tomasse banho não fedia desse jeito.
– Você é até bonita para uma negra…
– Aproveita essa COPA, gringo adora uma mulata do tipo exportação.
– Você é culto, nem fala como negro!
– Sabe ler?
– Pretos são muito rápidos porque gastam muito tempo correndo da polícia.
– Eu não sabia que gente como você tinha sensibilidade para arquitetura.
– Piscina pública. Apenas para brancos.
– Negros permitidos apenas no fundo do ônibus.
– Você não é negra, é morena.
– Você tem sorte de ser negro, nem precisa estudar para passar no vestibular.
– Sempre quis saber como é uma negra na cama.
– Desculpe, essa linha não tem produtos para o seu tom de pele.

…A consciência negra.

Comentários

Comentários

About The Author

Andy Jankowski é mestranda em Multimeios pelo Instituto de Artes da UNICAMP, formada de Cinema e Vídeo na UNESPAR/FAP, cursou filosofia na UFPR. Dedica seus estudos à Teoria, História e Linguagem do Cinema, sobretudo na representação da mulher. É membro da Associação Paranaense de Imprensa, foi Diretora Cultural e co-fundadora da Organização Universo Racionalista e atriz profissional.

Related Posts